1
En quelques mots ...

A quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedade. E passagem também retrata a jornada e experiência de duas famílias distintas. No douro: a família bergqvist (inglesa) e a moreira (portuguesa).a quinta das bandeiras é uma propriedade de 100 hectares localizada no pocinho. Junto ao rio douro e oposta ao famoso vale meão. Com as uvas de bandeiras. Embarcámos numa aventura 50:50 com o jorge moreira. Para produzir e comercializar o vinho. O vinho terá como nome passagem – apropriado por várias razões. Existe uma linha de comboio com uma passagem de nível abandonada na propriedad

Fiche Technique

Garde

-

Apogée

-

Service

-

Cépages Touriga franca

Terroir -

Type culture

-

Alcool

-

Cont.

75cl

Carafage

-

Avis de la communauté

Note moyenne (0 avis)

Vous l'avez goûté ?

Je donne mon avis

Passagem

Passagem est un domaine situé dans la région Duriense en Portugal, et qui produit 0 vins disponibles à l'achat, dont le vin Passagem Reserva 2015.